sexta-feira, 6 de novembro de 2009

traduzem-se no que se dilui
se consome e some
se mostram sãos sobre os insanos
tão humanos o são
sentimentais da cabeça ao chão
sem saberem que o não
é tão bom quanto o sim
simplesmente homens
quando deveriam ser trens
no ir e vir da multidão
a correr
correr sem fim

Um comentário:

Sâmya disse...

essa correria faz filhotinhos a cada novo dia...

multidao corrida essa, nao?